Desenvolvimento de jogos: guia rápido para uma carreira de mestre!

Tempo de leitura: 11 minutos

O mundo de desenvolvimento de jogos é fascinante e já faz parte da cultura atual de quase todo o mundo.

Isso porque, ter um celular é praticamente indispensável para qualquer pessoa independente da idade, e também porque os fãs dos primeiros games não apenas mantiveram a sua paixão, como também passaram a compartilhar com os filhos o hábito de jogar.

Mas nem sempre foi assim, até pouco tempo atrás os games eram vistos como apenas uma forma de lazer e entretenimento de crianças e adolescentes, não passando de um simples joguinho.

Esse cenário vem mudando rapidamente nos últimos tempos, os games nunca deixaram de levar diversão às pessoas, pelo contrário, estão cada vez mais divertidos, otimizados e realistas, e muito mais do que isso, passaram a ser um mercado extremamente valorizado, superando até mesmo o mercado da música e do cinema.

Portanto, se você quer ser um desenvolvedor de jogos ou tem curiosidade sobre como é a carreira desse profissional, então, leia esse guia!

 

Porque o mercado dos games é tão atrativo?

O mercado de jogos é um dos que mais cresce no Brasil e no mundo, movimentando bilhões de dólares anualmente.

O Brasil é o maior consumidor de games na América Latina. Esse é um setor que expande suas fronteiras independentemente das condições econômicas do país.

“O mercado de games está em plena expansão no Brasil. De acordo com os dados da Newzoo, em 2017, o número de jogadores era de 66,3 milhões. Em 2018, são esperados 75,7 milhões de gamers. A movimentação financeira também aumentou bastante, mesmo com a crise econômica: de US$ 1,3 bilhão, passará para US$ 1,5 bilhão. Tudo isso coloca o país na liderança da América Latina e em 13º lugar no ranking global na atividade.”

fonte: EXAME

Mercado brasileiro

» 75,7 milhões de jogadores;

» US$ 1,5 bilhão em negócios;

» 13º lugar é a posição do Brasil no ranking global do setor;

» 1º lugar entre os latino-americanos.

E no mundo?

O cenário de consumo de games não poderia ser mais favorável para os desenvolvedores, em 2018 foram cerca de $134 Bilhões de Dólares movimentados nesse mercado que está crescendo a cada dia, e tende a crescer ainda mais nos próximos anos.

A China é responsável por 25% do consumo mundial.

Com games sendo criados constantemente para novas plataformas, o profissional que deseja entrar na área de desenvolvimento de jogos deve escolher a área que mais se encaixa em seu perfil e mergulhar de vez nesse mercado sensacional.

Como eu começo uma carreira em games?

Com a valorização cada vez maior do mercado de jogos, muitos se interessam em como entrar no ramo.

Fazer carreira no mundo dos games não é simples, pois é uma decisão que lhe custará tempo, esforço e muita força de vontade.

É importante ter consciência de que o prazer de jogar não é suficiente para seguir uma carreira de desenvolvedor de sucesso, pois essa carreira abrange muito mais do que apenas gameplay.

Quem deseja seguir carreira no desenvolvimento de games deve ter afinidade com tecnologia, gostar de programar, e claro, ter paixão por jogos.

Assim como acontece em outras áreas de TI, o profissional formado em Desenvolvimento de Jogos ou Jogos Digitais deve estar atento às novas tecnologias e tendências do mercado.

Além do conhecimento técnico, é necessário que você desenvolva habilidades sociais, seu networking e suas soft skills, pois é essencial estar perto das referências e de pessoas que também fazem parte desse mundo.

Diante dessas informações, se você realmente deseja seguir uma carreira em games, então uma maneira de começar com o pé direito é decidir qual área seguir, assim como os cursos que devem ser feitos.

Você pode ser um programador e escrever códigos, pode criar materiais de divulgação, pode ser um editor de vídeo, e várias outras opções; o importante é escolher a área com a qual mais se identifica e que mais gosta.

O mercado está bem aquecido e conta com excelentes cursos voltados para aqueles que querem se especializar.

Preciso de faculdade? Quais cursos devo fazer?

A faculdade é uma parte importante no processo de sua carreira, ela irá te dar uma base para qualquer área específica que você queira seguir, porém, não é um requisito obrigatório.

Na indústria de games o que realmente importa é você conseguir mostrar os conhecimentos que domina. E uma ótima forma de fazer isso é através da construção de um portfólio.

O portfólio é a maneira ideal de mostrar seus projetos. Esses projetos podem ser jogos próprios ou pedaços de algum jogo que você criou, desde que demonstrem sua habilidade técnica.

A grande maioria das empresas de games vão olhar para o seu portfólio com muito mais atenção do que para os certificados e diplomas em geral.

O que realmente importa na indústria de games é o fato de você conseguir implementar seu conhecimento.

A criação e desenvolvimento de jogos para computadores, celulares, tablets ou consoles é na maioria das vezes realizada pelo profissional que estuda Jogos Digitais.

Ele é responsável por pensar no jogo como um todo, nos personagens, cenários, animações e etc.

Sobre o curso de desenvolvimento de jogos ou Jogos Digitais

O curso de Jogos Digitais mescla conhecimentos de programação e design. 

O aluno aprende a utilizar softwares específicos para a construção gráfica, edição de imagens, modelagem de cenários e animação de personagens.

A faculdade capacita o profissional a atuar um pouco em cada área do desenvolvimento de games, promovendo uma visão geral dessa profissão, o que torna mais fácil identificar em qual área você deve atuar e se tornar especialista.

Onde fazer o seu curso de desenvolvimento de jogos

O mercado está evoluindo constantemente, novos cursos para desenvolvedor de games são elaborados frequentemente e aprovados pelo MEC.

Confira algumas das principais faculdades que oferecem cursos para desenvolvedor de jogos.

Universidades Privadas

  • Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)
  • Universidade Estácio de Sá (UNESA)
  • Universidade Norte do Paraná (UNOPAR)
  • Universidade Nove de Julho (UNINOVE)
  • Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP)
  • Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)
  • Universidade Fundação Mineira de Educação e Cultura (FUMEC)

Universidades Públicas

  • Faculdade de Tecnologia de Americana (FATEC-AM)
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ)
  • Faculdade de Tecnologia Professor Antônio Seabra (FATEC LINS)

As principais ferramentas disponíveis no mercado para o desenvolvimento de games são essas:

Portanto, vale a pena estudar sobre elas.

Quais são as linguagens mais utilizadas para programar jogos?

Para trabalhar como um desenvolvedor de games, é importante desenvolver habilidades em: C, C++, Lua e Java, pois são as linguagens mais utilizadas na produção dos games.

Unity

A Unity é  uma das principais engines utilizadas em todo o mundo. Com ela é possível criar desde os mais simples jogos 2D até os mais complexos 3D para PC, console e mobile.

Jogos na web

Desenvolver jogos usando HTML, CSS e JavaScript também tornou-se uma opção mais simples e estimulada.

Jogos mobile

JavaScript ou Java são linguagens muito utilizadas na produção dos jogos mobile.

Como consigo um emprego?

O primeiro passo para conseguir um emprego é definir os objetivos e caminhos que irão te levar até ele.

Você precisa saber onde quer chegar, então, pense em algumas questões básicas:

– “Em que tipo de empresa eu quero trabalhar? Uma empresa nova? Empresa Nacional ou Internacional?”

– “Qual área dentro do desenvolvimento de jogos eu quero exercer? (Ex: Programador, artista, sound designer etc.)”

– “Quais habilidades eu preciso focar em desenvolver?”

– “Com qual tipo de jogo ou plataforma eu quero trabalhar? RPG, Indie, Mobile, Console, PC etc..”

Reflita sobre essas questões, com certeza elas irão te dar um Norte.

Como em qualquer emprego, você precisa planejar a sua carreira e dar os passos de acordo com o objetivo que deseja alcançar.

Sabemos que oportunidades de emprego existem, basta você se conhecer e saber qual área realmente deseja seguir.

Qual a média salarial?

Cargos que estão em alta na indústria de games, segundo a Page Personnel:

1 – Desenvolvedor Mobile

Atua com desenvolvimento de Unity, trabalhando em conjunto com a equipe de desenvolvimento back-end para entregar o melhor formato possível.

Salário: R$ 10 mil a R$ 15 mil

2 – Desenvolvedor Web

Atua em parceria com designers e engenheiros de softwares, para criar novos jogos e desenvolver novos conceitos para produtos já existentes.

Salário: R$ 8 mil a R$ 15 mil

3 – Product Owner

Responsável pela análise de mercado e novas tecnologias com foco em criação e melhoria de games. Coordena equipes multidisciplinares, como game designers, desenvolvedores e promover a interface com a área de marketing.

Salário: R$ 12 mil a R$ 18 mil

4 – Graphic/Web Designer

Responsável pela criação do padrão visual da marca dentro dos games.

Salário: R$ 4 mil a R$ 8 mil

5 – Instrutor de Games (Coaching)

Aplica aulas sobre games específicos, capacitando os alunos e transformando-os em top jogadores.

Salário: R$ 2 mil a R$ 4 mil

O que eu preciso ler/quem eu preciso seguir?

É muito importante estar sempre atualizado e acompanhar as referências da área de desenvolvimento de jogos.

Listamos 5 sites que irão te ajudar a estar sempre por dentro dos acontecimentos no mundo dos games:

1. Game Developer

Há mais de 3 anos no ar, é possível encontrar no site vários artigos interessantes além de poder acompanhar de perto a carreira de um desenvolvedor de jogos brasileiro.

2. ABRAGAMES

Associação Brasileira dos Desenvolvedores de Jogos Digitais.

Ótimo site para ficar por dentro do mercado de jogos digitais brasileiro e acompanhar as empresas brasileiras desse ramo.

3. Brazilian Game Developers

Legal para quem já está mais avançado na carreira, pois ajudar a promover as empresas de jogos brasileiras.

4. GameDev Brasil

Ótimo site para fazer networking e ficar por dentro dos jogos que estão sendo desenvolvidos no Brasil.

5. Fábrica de Jogos

Conta com vários tutoriais interessantes além de outros conteúdos de excelente qualidade!

Obs: E claro, é sempre importante acompanhar os gigantes, como por exemplo a Apple, Microsoft, Sony, Blizzard, Nintendo, Take-Two Interactive, e por ai vai…

Quais são os principais eventos da área?

evento

1. E3 (Electronic Entertainment Expo)

É o maior evento de games do mundo e um dos mais consolidados do ramo, a E3 é o lugar onde os lançamentos e tendências são criados.

Ela acontece todo ano em Los Angeles desde sua primeira edição em 1995 — exceto em 2007, quando foi realizada em Santa Mônica.

2. ESL Play (Electronic Sports League)

ESL é uma empresa de e-sport com sede na Alemanha— a maior do mercado — que organiza competições pelo mundo todo.

A ESL Play é uma plataforma da companhia criada para disponibilizar os torneios e competições. O Brasil Premier League, por exemplo, é um projeto da ESL focado em equipes de e-sport no Brasil.

3. DreamHack

É uma LAN Party que acontece todo ano na Suécia.

Para quem curte e-sport, este é o evento do ano! São dezenas de competições e milhares de dólares em premiações.

A feira entrou, em 2004, para o Guinness Book como a maior LAN Party do mundo, conectando 5272 pessoas através de 5852 computadores em uma única rede de área local.

4. MLG (Major League Gaming)

Um dos primeiros eventos do tipo a serem transmitidos na televisão.

A própria ESPN já transmitiu torneios da MLG ao vivo e chegou a superar a audiência de transmissões de jogos da NBA. Podemos acompanhar as competições por sites de streaming.

Eventos nacionais

Brasil Game Show

É maior evento de games da América Latina. Conta com a presença de diversos estúdios, além de importantes convidados internacionais e outras atrações.

SBGames

O Festival de Jogos do SBGames é o mais tradicional concurso da produção nacional de jogos digitais. É um dos grandes momentos do ano no qual os desenvolvedores de todo o Brasil se encontram em torno de seus jogos e tem seu trabalho avaliado e premiado pela comunidade.

Conclusão

mulheres desenvolvedoras

Trabalhar com o desenvolvimento de jogos é um sonho para muitas pessoas, e apesar de ser um mercado em constante crescimento, não é uma profissão fácil de se conseguir um bom emprego no Brasil, pois exige conhecimentos técnicos e comportamentais bastante específicos.

Mas para aqueles que realmente amam jogos digitais e querem o seu espaço, pode significar uma carreira recheada de desafios, experiências incríveis e criativas.

Trabalhar com desenvolvimento de jogos é trabalhar visando o futuro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *